Agricultores Familiares de Águas Formosas receberam as sementes no último dia 19Buscar uma política pública para o campo, promover a segurança alimentar, gerar trabalho e renda. Esses são os ingredientes necessários para a inclusão das famílias que estão em situação de vulnerabilidade social. Para enfrentar este cenário, a Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social de Minas Gerais (Sedese), em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (SEE), a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG), dentre outros órgãos do Estado, promove uma série de encontros, nos dias 25 e 26 de junho, com secretários Municipais de Assistência Social e de Agricultura dos municípios de Januária, Montes Claros, Araçuaí e Salinas e cidades do entorno para avaliar os resultados e apresentar o Plano de Ação 2018 do Projeto Sementes Presentes.

 “Estamos buscando uma atuação conjunta para seleção e entregas de sementes às famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), dos municípios”, explica a coordenadora do projeto Sementes Presentes, Beth Filizzola. Ela conta que a proposta, além da distribuição de sementes, inclui a instalação de sistemas simplificados de água e irrigação, assistência técnica e fomento da agricultura familiar buscando estimular o desenvolvimento econômico e social local.

Também participam da ação o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e os Conselhos Municipais de Desenvolvimento Rural Sustentável (CMDRS).

Projeto vai atender mais 70 municípios
De acordo com Beth Filizzola, em 2018, serão incorporados mais 70 municípios, ampliando o atendimento para 229 municípios e, no total, serão entregues sementes a 40 mil famílias do CadÚnico. Em outra frente serão aplicados recursos para fortalecimento de agroindústrias, cooperativas e associações de agricultores familiares. “Em breve daremos início à seleção das famílias para receberem nova rodada  de sementes”, completa.

Em 2017, o Governo de Minas, por meio da Sedese e parceiros,  executou diversas ações de enfrentamento da pobreza no campo, entre elas o Presentes Sementes, que beneficiou famílias em 159 municípios, com a distribuição de sementes. O projeto integra a Estratégia de Enfrentamento da Pobreza no Campo - NOVOS ENCONTROS, que, por sua vez, reúne um conjunto de 42 ações executadas por mais de 20 órgãos estaduais.

Distribuição das sementes acontece em Fronteira dos Vales
No dia 28 de junho, as comunidades de Nunes e Boa vista no município de Fronteira dos Vales, Território Mucuri, recebem 67 kits de sementes de beterraba, cenoura, alface, quiabo e repolho. Com esta entrega, termina a primeira etapa do projeto Sementes Presentes, que teve início em 2017.

No total, são 26 mil kits de sementes de hortaliças nos 147 municípios mineiros dos territórios de Mucuri, Jequitinhonha, Norte e Vale do Jequitinhonha, com 130 mil pacotes de sementes. “A crise econômica brasileira levou o Governo de Minas Gerais a intensificar o trabalho no campo, priorizando os agricultores tradicionais, os assentados e os chamados invisíveis com uma série de ações para atenuar as dificuldades e o empobrecimento desse segmento da produção”, afirmou, Beth Fillizola.

Encontros Municipais

25 de junho – Avenida Mestra Fininha, 1642, bairro São Luiz - Montes Claros
25 de junho - Rua José Pinto Colares, 312, Alto Santuário – Araçuaí
26 de junho - Avenida Marechal Deodoro da Fonseca, 130, Centro – Januária
26 de junho Câmara Municipal,  rua Bias Fortes, 92, Centro - Salinas